43 comentários em “Enxuto Cast #18 – Vingadores e B@tipoasjfj

    • Estamos em ano de eleições, você já deveria saber que tem muita gente que promete muita coisa e nao entrega nada.

  1. ” Fodolam-se (porque folodam-se é muito mainstream)”
    eu falo isso, filho da puta, ¬¬

    AUUHAUIAIUHIHAUAIIUHAHIAIUA

    • Duas coisas me desanimam um pouco no filme dos Vingadores: os roteiros simples dos filmes solos feitos e o fato de que ele, realmente, lembra muito Transformers 3 (invasão alienígena, guerra em plena Nova Iorque, soldados servindo de bucha de canhão…). TDKR (embora eu esteja realmente um pouco receoso pela opção por um Bane que, na verdade, nem parece ser o Bane realmente) é um filme que encerra uma franquia que teve roteiros mais elaborados, algo bem construído, filmes que não ofendem a inteligência de ninguém.

  2. Marveíces e decenices à parte…

    O filme dos Vingadores tem problemas e qualquer um sabe. Problemas de escalação de elenco, roteiro que parece ser um festival de clichês (inclusive nos poucos diálogos que vemos), cenas que lembram muito Transformers 3 e um cara que, incompreensivelmente, todo mundo tá dando um grande cartaz apesar dele não ter ainda conseguido nada de extraordinário no cinema (e cujo grande obra é Buffy). Entendo porque as pessoas estão delirando (porra, é um filme dos Vingadores, cara! como não ficar ansioso?) e sei que a bilheteria será estrondosa, mas não creio que será realmente um filme tão grande quanto o acontecimento em si. Acho até sintomático desta afirmação a declaração de Joss Whedon de que Vingadores 2 provavelmente será um “filme menor”. Ele foi contratado pra entregar uma massaveíce e é isso que ele está disposto a fazer no primeiro filme. É como se ele se sentisse preso aos filmes que o precederam e que têm em comum roteiros rasos, irritantemente simples.

    TDKR me preocupa, não posso negar. Os filmes do Nolan de destacam por respeitar mais as visões consagradas dos personagens nas HQs (notem que eu disse as “consagradas”, antes que apreça alguém de mimimi pra dizer que exitem umas vinte visões diferentes de cada personagem): Gordon o policial honesto e corajoso, Alfred o mordomo inglês irônico, Dent o homem que queria destruir a máfia mas se perdeu em sua dor, Coringa “O” mal… E não creio que isso existirá no último filme.

    Comecemos pelo Bane. Personagem que parece ter uma profundidade interessante, uma personalidade legal… E é justamente aí que começam as diferenças: o Bane das HQs é um personagem clichezento a bobão, um babaca de merda criado apenas pra “quebrar” o Batman nos IMAGEinativos anos 90. Passa a impressão de que o Nolan queria “criar” seu próprio vilão, mas achou melhor reescrever um que já existia, mudando praticamente tudo. Da mesma forma, segundo os boatos, podem ser a Talia (há aquele boato de que ela na verdade não seria a filha do Ras) e a Mulher-Gato.

    O filme tem sido vendido como o fim não apenas da trilogia mas “da lenda”, o que tem causado grande especulação. A maior de todas seria de que Nolan não estaria de fato envolvido num filme do Superman, mas que na verdade ele estaria filmando uma espécie de Cavaleiro das Trevas (a HQ de Miller), justificando isso com os cabelos grisalhos de Bale, a presença de uma atriz que deveria fazer o papel de Carrie Kelley, o fato de que a minisérie de Miller dá um “final” à trajetória do Morcego… Acho devaneios.

    Julgando apenas pelos trailers que vimos, Vingadores será massavéio, clichezento e raso. Filme que vamos assistir no cinema preparados pra rir, gritar, vibrar e, depois de alguns anos, ficar olhando e comentando como é raso, como envelhece mal, etc. (coisa que aconteceu rapidamente com Homem de Ferro 2, Thor e Capitão América). TDKR promete ser um bom filme, não duvido que terá grandes surpresas, como história deverá, sim, ser superior ao dos Vingadores. Mas será legal? Será tão fiel (se comparado com incursões de outros diretores) quanto os filmes anteriores?

    Bom, eu sei que vou conferir ambos. E espero mesmo que o Joss fuja um pouco do lugar comum dos filmes da Marvel.

  3. Inferno reclamando da Scarlett é a prova máxima de que existem alguristas em qualquer lugar. Há quem pratique o algurismo aqui no sul, mas como o Inferno demonstrou neste podcast, esta é uma prática comum nos outros estados também.

  4. Pingback: Quer ver o Batemá de pertinho? « Baile Dos Enxutos

  5. Pingback: Enxutocast 19 – Game of Thrones + bônus « Baile Dos Enxutos

  6. Pingback: Enxutocast 19 – Game of Thrones + bônus - Baile dos Enxutos

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s